sexta-feira, outubro 20, 2006

Uma mão cheia de nada...

No último dia, a propósito da 4.ª versão do ECD entregue pelo ministério da Educação, vi alguns colegas um pouco iludidos pelo aceno de umas alterações, já que não acredito que tenham ficado amedrontados pelas ameaças do dr Pedreira.
Por não achar nada de novo na 4.ª versão que não fosse esperável e por achar indignas as ameaças do dr Pedreira escrevi o que se segue (com algumas alterações posteriores) no blogue do Paulo Guinote, onde pela primeira vez discordei substancialmente da opinião deste colega, que considero dos mais esclarecidos de nós, sobre o que está em causa neste preciso momento.
O ministério da Educação não cedeu em nada de fundamental. O que o ministério queria e sempre quis é o estrangulamento da carreira, criando para isso um patamar diferenciado, os titulares, limitado por um critério geral (1/3 dos quadros) e um critério a regulamentar por dotação que não sabemos como irá ser mas será muito mais limitado ainda, e ainda pelo sistema de quotas. Todos os insultos anteriormente feitos pela ministra aos profs tiveram como intenção criar o caldo social para minar o estatuto social dos professores e impôr-lhes estas questões. O resto é paisagem. Por isso eles abdicam da imposição de critérios da tão badalada avaliação dos professores. Se não parecesse mal eles atiravam até uma moeda ao ar para se saber quem era titular ou não, desde que se cumprissem as quotas e as dotações. A questão das faltas não passaria no tribunal constitucional. A avaliação pelos pais era um fait-divers. A questão dos quadros de zona passarem a quadros de agrupamento é uma aparente benesse que para os próprios não será sequer tão boa como isso e para os outros, através do alargamento dos quadros (e daí do 1/3), não aquecerá nem arrefecerá, pois estará sempre sujeita sempre a dotações e abertura anual de vagas. Colegas, penso que estão a medir mal a situação. Que não é fácil para os sindicatos decidir e actuar é verdade. Mas que esta proposta não cede no que eles acham e sempre acharam fundamental, isso é verdade. Outras questões que poupam dinheiro como a questão das reduções também não foram sequer afloradas nem houve recuo ministerial. Porquê? E é incrível como um secretário de estado possa ameaçar os professsores da forma soez como o fez, indo ao ponto de ameaçar com o quadro de excedentes, alguns dos professores dos quadros para os quais quer remeter mais uns milhares. Colegas, uma das razões pelas quais um sindicalista só se faz ao fim de alguns anos de experiência é a necessidade desses anos para se aperceber das armadilhas em que nos querem fazer cair. Tenho confiança de que muitos dos nossos sindicalistas com a experiência que têm, saberão decidir. Tenho infelizmente menos confiança na capacidade de luta de muitos professores que talvez não tenham a capacidade de persistência de luta e de indignação perante um ministério e um governo que merecem que os professores não se calem. Embora com inteligência, com criatividade e sem espírito suicidário.
Vamos esperar para ver a conferência de imprensa dos sindicatos às 15h30 de hoje.

2 Comentários:

Blogger Miguel Sousa disse...

Henrique, não estas vendo o episodio do preço da "luz", é a mesma coisa, eles começam com alarido dos 15 e agora, aumentam 8 por cento e toda a gente ahca eu é uma generosidade, mas não passa de uma aldrabice. esta foi sempre a estratégia destes socialistas.

5:47 da tarde  
Anonymous Anónimo disse...

Temos sido tão maltratados e afligidos, aguentamos há tanto tempo a má fé, os ataques da tutela e as agressões desinformadas da opinião pública, que é fácil cair na armadilha de respirar de alívio e achar que mais vale aceitar o que nos "oferecem" e parar aqui. Não pode ser! Não é o momento de nos mostrarmos amedrontados, de nos dividirmos ou de aceitarmos rebuçados, sob pena de descrédito e de perdermos tudo quanto ganhámos, nomeadamente poder negocial para próximas lutas. E não é admissível ceder a chantagens. O despudor do secretário de estado! Que gente, que classe política miserável!

Soledade
http://nocturnocomgatos.weblog.com.pt

3:58 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial