sexta-feira, dezembro 08, 2006

"La Formación de la mentalidad sumisa"

Há livros que nos abrem os olhos. Há outros que nos esclarecem mais sobre os porquês das situações em que nos encontramos.
Acerca da situação que estamos a viver, nós professores, - como membros "privilegiados" a abater de uma "classe média" - o livro que a seguir indico contém, apesar dos anos que já tem e de não se centrar especificamente sobre o nosso universo profissional, muitas das explicações.
A ler, grátis, online, aqui, com um agradecimento pessoal a Vicente Romano, o seu autor.
P.S. (salvo seja) Sei que este livro foi muito recentemente editado em Português. Para quem o queira ler na nossa língua.

5 Comentários:

Blogger IC disse...

Queria comentar o teu post anterior com uma visão optimista tomando como exemplos esses filmes que referes e não passaram, mas detenho-me na tua frase "Decididamente estes filmes não estão a acabar da mesma forma como aqueles tentados e abortados anos atrás" porque já não tenho certezas de que acabarão por abortar também.
Farei uma leitura, mesmo que em diagonal, do livro online que indicas, mas, mesmo sem a fazer, pressinto que não seja alheio a essa minha incerteza ou menos optimismo. No entanto, continua a parecer-me que o filme actual não conseguirá sustentar-se, que ele se revelará por si mesmo insustentável daqui a algum tempo.

2:30 da manhã  
Blogger Prof24 disse...

Caro Henrique:

verifique por favor http://professorsemquadro.blogspot.com/2006/11/vicente-romano.html

:) O livro está já traduzido para Português.

11:37 da manhã  
Blogger henrique santos disse...

Isabel
pelo menos o prólogo lê-o na totalidade. É uma sintese incontornável do período pelo qual passamos.
Prof24
temos de divulgar as alternativas válidas ao pensamento único que invadiu por completo os nossos média e o nosso senso comum.

1:41 da tarde  
Blogger IC disse...

Ainda volto para outro comentário. Só ainda acabei de ler o prólogo, mas há lá uma frase terrível:
"Puesto que la economía ya está mundializada, también debe estarlo la conciencia" (final do ponto 6)
Não penso isso exactamente, eu penso que os cidadãos até têm consciência de pelo menos grande parte do que é descrito no prólogo e do papel controlador dos media, mas adormecem-na alienando-se no dia a dia ao mesmo tempo que se "adaptam" dizendo que já não há alternativa ao rumo actual mundial, demasiado poderoso. E é a isso que eu chamo "la mentalidad sumisa".

P.S. Sobre o que comentaste no meu cantinho (e a propósito destas questões mais gerais de fundo), eu manterei o meu blog o mais possível circunscrito à educação-ensino e à política educativa, mas é-me difícil pois, por trás disso e para além disso estão questões de fundo em que penso muito mais ainda (como, aliás, sempre pensei). Não é fácil encontrar e seleccionar notícias/artigos sérios, que sejam curtos, que façam contraponto à propaganda internacional, pois já me tem apetecido criar um "sub-blog" para lá pôr uns links para eles.

2:42 da manhã  
Anonymous f... disse...

"Roubado" no forum educare:
(..) Não há português nenhum que não se sinta culpado de qualquer coisa, não é filho? Todos temos culpas no cartório, foi isso que te ensinaram, não é verdade? (...)

http://fmi.com.sapo.pt/

http://media.putfile.com/FMI

2:03 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial