quarta-feira, outubro 05, 2011

Recomeçar com Georges Snyders.

Georges Snyders, esse grande nome da Pedagogia, com livros incontornáveis para os Educadores, faleceu em 27 de Setembro passado.
Dele, cito uma parte de uma entrevista que ele concedeu há cerca de 20 anos a um brasileiro. Nessa entrevista mostra como estava sempre em processo de aprendizagem, apesar da idade avançada, retocando as suas teorias há medida da realidade que ia percebendo. Constantes, no entanto, o seu amor à verdade e aos valores humanos.
"Quanto mais os alunos enfrentam dificuldades - de ordem física e econômica - mais a Escola deve ser um local que lhes traga outras coisas. Essa alegria não pode ser uma alegria que os desvie da luta, mas eles precisam ter o estímulo do prazer. A alegria deve ser prioridade para aqueles que sofrem mais fora da Escola.
Sei que é um pouco utópico, mas de vez em quando é necessário sonhar. Estou aposentado e sei que sonho; mas o mundo precisa, de tempos em tempos, de pessoas sonhadoras."
Vale a pena ler a entrevista toda em:
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/pdf/ideias_11_p159-164_c.pdf
Existem muitas obras deste autor em português.
Deixo-vos também um link em francês evocativo das principais ideias deste autor:
http://cahiers-pedagogiques.com/spip.php?article7577
Recomeço assim a publicação deste blog com um autor cujos livros e ideias foram para mim algo de fundamental.

Etiquetas:

1 Comentários:

Blogger IC disse...

Henrique, que bom voltares ao "Educrítica"! :))
E o recomeço é excelente. Li bastante Georges Snyders noutros tempos - não que a sua obra, as suas ideias tenham perdido actualidade, eu é que, como sabes, passei a "actualidade" de estar no activo.
Um abraço de boas-(re)vindas.

12:29 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial